29 de mar de 2012

As Mulheres Poderosas do Drama Japonês

Quem gosta de assistir dramas coreanos ou japoneses, sabe que a variedade é enorme, e às vezes é complicado eleger aqueles a serem vistos a cada nova temporada. Embora eu me interesse pelos gêneros os mais variados (drama, policial, comédia, etc.), é claro que, como mulher, os dramas que tem uma ou mais mulheres como personagens principais, sempre chamam mais a minha atenção. E pensando em todos os dramas com temática feminina que já vi, concluí que os dramas japoneses são os que melhor retratam a vida das mulheres de hoje. Não que os dramas coreanos não tenham ótimos exemplos do gênero, mas tem um machismo muito presente em todas as estórias, sem falar no complexo de cinderela de muitas heroínas... Mas esse assunto fica para outra oportunidade, pois dessa vez eu gostaria de falar sobre algumas personagens especiais que já habitaram o mundo do drama japonês, e que nunca serão esquecidas.

A mulher do drama nipônico é cosmopolita, culta, educada, independente e... solteira. Embora familiares, amigos e colegas encarem a condição dela (de solteira) como uma espécie de limbo social, ela sofre em silêncio essa pressão diária. Obviamente ela quer encontrar o amor, mas ela também quer ter reconhecimento e sucesso profissional, igual a qualquer colega homem.
Mas, vamos deixar que essas damas se apresentem pessoalmente:

Amami Yuki, drama BOSS

Osawa Eriko

Meu nome é Osawa Eriko, chefe de uma nova unidade da polícia metropolitana de Tóquio, especializada em crimes hediondos. Depois de alguns anos de treinamento com o FBI, fui convidada a voltar ao meu país. No começo, fiquei entusiasmada com a ideia, mas ao ver que a equipe designada a mim é na verdade um bando de ‘rejeitados’ dos quadros policiais, comecei a desconfiar ter caído em uma armadilha. Qual é o propósito dos meus chefes? Não estou certa, mas não vou deixar de fazer bem o meu trabalho e provar a eles que sou capaz. Um ‘probleminha’ com um ex-namorado é que me fez ser despachada para o exterior, mas eu aprendi minha lição. Mas, só aqui entre nós, garotas… tenho um fraco por homens em uniforme. Ah, e os detetives sob o meu comando insistem em me chamar de “Boss”.

Meu lema: “Numa cena de crime sangrenta, é maior o motivo para não perder a elegância”.

Kanno Miho, drama "Hataraki Man"

Matsukata Hiroko

Olá, meu nome é Matsukata Hiroko, 28 anos, mais conhecida entre meus colegas como “hataraki man” (homem trabalhador). É, um apelido nada lisonjeiro, só porque sou uma profissional dedicada ao meu ofício, e por isso não tenho tempo para me envolver num romance sério. Acontece que não é fácil trabalhar como editora em uma revista semanal, correr atrás de notícias ‘quentes’, aguentar a pressão do chefe e a ‘moleza’ de certos colegas. Meu sonho é subir na carreira e ser editora-chefe, se possível de uma revista séria, e não no tabloide vulgar em trabalho há anos.

Meu lema: “Abaixo o machismo!”.

Shinohara Ryoko, drama "Anego"

Noda Naoko

Prazer em conhecê-los, meu nome é Naoko, trabalho há muitos anos como secretária executiva de uma grande empresa de exportação. Tenho muito orgulho do meu trabalho, e trato meus colegas com muito carinho e atenção. Não gosto muito que eles me chamem algumas vezes de ‘anego’, mas é porque sou como uma irmã mais velha para todos, ajudando quando eles têm dificuldades, ouvindo seus problemas pessoais, etc. Tenho de admitir que às vezes me sinto um tanto solitária... Minha obsessão em estar sempre tentando resolver os problemas dos outros, acaba prejudicando tanto minha vida pessoal como minha carreira profissional. E o fato de, repentinamente, aparecerem dois homens completamente diferentes (e interessantes) no meu caminho, tornou tudo ainda mais confuso. O caminho da felicidade às vezes é cheio de curvas e desvios, e fica complicado escolher qual é o certo.

Meu lema: “O príncipe encantado existe, só que ele já é casado”.

Matsuyuki Yasuko, drama "Perfect Report"

Aoyama Kana

Eu realmente não gosto de falar sobre mim mesma, mas se querem saber, sou Aoyama Kana, tenho 38 anos, e trabalho como repórter de TV, para o canal CTN. As pessoas confundem minha paixão pela busca da verdade, com teimosia e inflexibilidade. Identifico-me muito com a chefe de polícia Osawa Eriko, pois, após 15 anos de trabalho duro, fui jogada no porão do prédio da emissora de TV, junto com um grupo de repórteres de segunda linha. Um horror, pois tenho de resolver tudo sozinha, e ainda me acusam de ser mal educada e rebelde.  Mas os meus chefes não contavam com minha determinação em ir fundo nas estórias, custe o que custar! Muitas mulheres gostariam de saber como eu consigo passar a noite dormindo no sofá do escritório, só comer porcarias, e mesmo assim estar sempre linda… Mas isso é segredo!

Meu lema: “A reportagem perfeita é aquela que revela apenas a verdade absoluta”.

Karina, drama "Real Clothes"

Amano Kinue

Até pouco tempo atrás, eu me apresentaria como a Srta. Amano Kinue, uma simples funcionária de uma grande loja de departamentos de Tóquio. Mas as coisas mudaram radicalmente nos últimos meses. Desde que fui transferida para a seção de moda feminina da loja, passei a prestar mais atenção à minha aparência, e a como os outros me veem. Mas o mais importante foi ver que há muitas coisas diferentes e pessoas interessantes no mundo, nas quais eu nunca tinha reparado. Se os desafios são grandes, as oportunidades são ainda maiores!

Meu lema: “Sua aparência externa diz quem você é”.

2 comentários:

  1. Só conhecia "Real Clothes" que soube da existência por aqui mesmo. Confesso que não sou muito de assistir dramas japoneses, mas estes parecem ser bem interessantes e divertidos. Vou anotá-los aqui :D

    :*

    ResponderExcluir
  2. Oi Patrícia,
    se ainda não conhece os dramas japoneses, corra atrás, pois tem muita coisa boa. Em termos de qualidade, eles não perdem em nada para os dramas coreanos, e o bom é que, em geral tem menos episódios, e acaba dando para assistir muito mais, em pouco tempo. E tem uma quantidade enorme de dramas japoneses legendados em português nos site de fansub brasileiros.
    bjs,
    Sam.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...