21 de out de 2013

My P.S. Partner (filme, 2012)


País: Coréia do Sul
Gênero: Comédia Romântica
Duração: 114 min.

Direção: Byun Sung-hyun
Roteiro: Byun Sung-hyun, Kim Min-soo-I, Kim Soo-A

Elenco: Ji Seong, Kim Ah-joong, Shin So-yul, Kang Kyeong-joon, Kim Seong-oh.

Resumo

Yoon-jeong liga por engano para um estranho (Hyeon-seong), achando ser seu o namorado, e acaba fazendo sexo por telefone com ele. Dias depois, bêbado e deprimido pelo fim de um longo relacionamento, Hyeon-seong liga para Yoon-jeong, e os dois acabam se conhecendo melhor.


Comentário

Apesar do tema picante, My P.S. Partner surpreende pelo romantismo e pela discussão séria sobre os relacionamentos complicados entre homens e mulheres. Outros filmes coreanos do gênero (como Petty Romance, ou You Pet) já tentaram misturar, sem sucesso, comédia romântica com uma pitada de sexo. Em My P.S. Partner os roteiristas acertam na dose, usando o sexo como fio condutor da estória, mas sem cair no mau gosto. O quase novato Byun Sung-hyun (diretor e roteirista de The Beat Goes On, 2010), faz um excelente trabalho, filmando com sensualidade, vibração e, ao mesmo tempo, muita leveza, as cenas de amor entre os casais. E dá para perceber a mão feminina de Kim Soo-A, co-autora do roteiro, ao criar personagens que falam e vivem como mulheres reais. Kim Soo-A é autora de outro grande filme sobre relacionamentos amorosos, The Worst Man of My Life (2007).



O elenco de apoio é discreto, mas muito divertido. O destaque vai para Shin So-yul (Ugly Alert), como So-yeon, a ex-namorada de Hyeon-seong. Apesar da osadia de suas cenas com Ji Seong, a atriz não perde a elegância, e mostra grande talento dramático. Kang Kyeong-joon (o professor de educação física de To The Beautiful You) também está muito bem no papel de Seung-joon, namorado de Yoon-jeong.
 
 
Mas é claro que as estrelas do filme são o casal central, Kim A-joong e Ji Seong. A escolha dos atores não poderia ter sido mais perfeita. Kim A-joong (Sign) prova, mais uma vez, seu talento para a comédia. Mesmo com sua beleza exuberante, a atriz não se prende ao visual, procurando sempre papeis que lhe dêem a oportunidade de mostrar sua capacidade interpretativa. Ela já tinha revelado seu lado cômico e sua bela voz no filme 200 Pounds Beauty (2006). Em My P.S. Partner ela volta a cantar, e sua voz é muito bem explorada nas falas ao telefone, criando as cenas mais excitantes e divertidas do filme. E Ji Seong (Protect the Boss) é o par perfeito para Kim A-joong, por sua naturalidade, seu ar juvenil, e seu grande talento dramático. Como Kim A-joong, ele consegue transpirar sensualidade num instante, e fragilidade quase infantil no seguinte. Ah, e ele também canta muito bem!


O filme me agradou especialmente por dar tempo para que a amizade se desenvolvesse entre o casal, para que os dois se conhecessem a fundo, antes de descobrir o amor. Primeiro veio a paixão, seguida pela amizade e, finalmente, pela descoberta de um grande amor. Uma bela comédia romântica, para aquele público cansado de ver adultos sendo retratados como pseudo-adolescentes no cinema.
 
 
Não importa que o final não seja surpreendente – afinal, é uma comêdia romântica – o que importa é o que acontece enquanto os personagens se apaixonam.

Um comentário:

  1. Quero mutio assistir esse filme. Obrigada pela resenha!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...