4 de out de 2013

Love 911 (filme, 2012)


País: Coréia do Sul
Gênero: Drama, Romance
Duração: 120 min.

Direção: Jeong Gi-hoon
Roteiro: Jeong Gi-hoon, Park Sang-min-I

Elenco: Ko Soo, Han Hyo-joo, Ma Dong-seok, Kim Seong-oh, Hyeon Junie, Jeong Jin-yeong.

Resumo

Kang-il é um bombeiro que não tem medo de arriscar a vida em serviço, especialmente depois da morte trágica da esposa. Mi-soo é uma médica plantonista que comete um erro de diagnóstico, e é processada pelo marido da paciente. Desesperada, Mi-soo tenta convencer Kang-il a processar o homem, que o havia agredido dentro do hospital. Com a recusa de Kang-il em ajudá-la, Mi-soo se voluntaria como paramédica, para ficar mais perto dele. Enfrentando situações de perigo juntos, eles acabam se apaixonando. Mas conflitos éticos e de caráter colocam em dúvida a força deste amor.

Comentário

Love 911 é um melodrama romântico, com pitadas de comédia, que encanta especialmente graças ao charme do casal principal. Ko Soo (The Front Line, Empire of Gold, drama) está perfeito no papel de Kang-il, um bombeiro dedicado, mas de caráter instável. Kang-il não se conforma com a morte súbita de sua jovem esposa. Por estar atendendo uma ocorrência grave, ele não pôde socorrê-la quando ela passou mal, e acabou falecendo. Ele não larga o emprego de bombeiro, mas alterna dias de bravura quase suicida, com outros de apatia e desinteresse.


Mi-soo (Han Hyo-joo) é uma boa médica, mas uma dose de inexperiência somada à falta de empatia com os pacientes faz com que ela cometa um grave erro ao atender uma emergência no hospital. A paciente acaba entrando em coma, e o marido ameaça processar Mi-soo. Por coincidência, Kang-il se encontrava no hospital naquele dia, e acabou sendo agredido pelo marido da paciente, num momento de estresse. Correndo o risco de perder sua licença para exercer a medicina, Mi-soo vai atrás de Kang-il, para tentar convencê-lo a processar o agressor. Kang-il ignora o pedido, argumentando que o homem não bateu nele por mal, mas apenas por estar nervoso com o estado de saúde da esposa.


Mi-soo é suspensa do hospital, e resolve insistir com Kang-il, inscrevendo-se como paramédica na estação de bombeiros. Simpática e habilidosa, ela logo faz amizade com o chefe e os colegas de Kang-il. Ela tem a ilusão de que seduzindo Kang-il poderá convencê-lo a ajudá-la. Mas ela não faz ideia do quão teimoso e problemático é este belo bombeiro...

Kim Seong-oh, Hyeon Junie, Ma Dong-seok

Se Love 911 tem um defeito, é o de evoluir da comédia romântica para o melodrama – coisa que me desagrada demais, pois o suspense acaba sendo maior do que a emoção delicada que se sente ao acompanhar o romance, no início. E como não é incomum um filme coreano ter um desfecho trágico, o espectador pode ficar apreensivo, quase até o final, com a dúvida sobre o destino do casal principal. O filme se beneficiaria de um corte em sua duração, que daria maior agilidade à estória – a terça parte final do filme perde ritmo, e o melodrama tira muito da leveza inicial da estória.

E se o diretor e roteirista Jeong Gi-hoon tivesse arrumado uma escritora (no lugar de Park Sang-min-I, diretor e produtor) para auxiliá-lo com o roteiro, o resultado poderia ter sido mais interessante.


Mesmo fazendo estas ressalvas, Love 911 é um filme bonito, e as idiossincrasias dos personagens fazem desta uma estória envolvente e realista. O ator Ko Soo é sempre um colírio para os olhos, e é agradável vê-lo mais relaxado, especialmente nas cenas cômicas. Mas a estrela do filme é mesmo Han Hyo-joo, que tem de encarar um personagem complexo, cujo tom varia do cômico ao dramático com muita rapidez. Han Hyo-joo parece ter amadurecido bastante como atriz desde seu papel de mulher cega no filme Always, de 2011. Vale conferir o novo trabalho desta bela atriz, o filme Cold Eyes, com Seol Kyeong-gu e Jeong Woo-seong.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...