27 de abr de 2016

Atrizes Coreanas de Futuro


O título é só para dar impacto, já que as atrizes listadas abaixo já tem uma carreira sólida o bastante para terem protagonismo garantido, seja na TV ou no cinema. Mas isto também não nos impede de nutrir grandes expectativas quanto ao futuro profissional destas senhoritas...

Deve haver uma centena de aspirantes a celebridade, dos 15 aos 30, disputando um lugar ao sol na mídia coreana. Por isso mesmo é impossível não ser injusta ao deixar muitos nomes promissores fora da lista, mas tentei seguir alguns critérios que considero importantes: protagonismo, reconhecimento (de crítica e público), relevância (e continuidade) na escolha dos projetos (no cinema e TV) e, é claro, minha visão pessoal.

Garimpando com certo esforço (mas nem tanto) cheguei ao top 10 das melhores atrizes jovens (dos 17 aos 32) coreanas, em ordem de preferência particular:

1. Park Bo-young (1990)


Dizem que nos menores frascos se encontram os melhores perfumes, ditado que vale muito bem para a ‘petit’ Park Bo-young. Sua carreira teve início na TV, com o drama escolar Secret Campus (EBS, 24 ep., 2006). Uma curiosidade foi que na sua estreia contracenou com Lee Min-ho, parceria que se repetiu em outro drama escolar, Mackarel Run (2007), e no filme Our School E.T (2008).


Mas foi no cinema que a atriz consolidou sua carreira, especialmente nos últimos anos, com A Werewolf Boy (2012), Hot Young Bloods (2014), Collective Invention e You Call It Passion (2015).

Mas o público de TV andava meio esquecido de Park Bo-young, até sua volta espetacular com o drama de fantasia Oh My Ghostess (tvN, 2015). No papel de uma jovem possuída pelo espírito de uma virgem (tema clássico de qualquer filme de terror, mas aqui transformado em comédia dramática), Park Bo-young dá um show de interpretação... Sua incorporação do gestual e personalidade efusiva da atriz Kim Seul-gi provocou arrepios reais nos espectadores do drama. Outro ponto alto de Oh My Ghostess foi o par romântico com o ator Jo Jeong-seok, com o qual compartilhou o primeiro beijo em cena (!) de sua carreira.


Mais do que atriz, Park Bo-young é uma artista completa, que aprendeu com a família a interessar-se por todas as formas de arte, como a música – ela canta, toca piano e violão – tendo contribuído para a trilha musical do filme A Werewolf Boy, e do drama Oh My Ghostess.

2. Shim Eun-kyeong (1994)


Assistindo o filme Miss Granny (grande sucesso de bilheteria do cinema coreano, e com duas versões estrangeiras, uma chinesa e outra japonesa) é impossível não perceber de imediato o talento diferenciado de Shim Eun-kyeong. E parece até que ela só foi notada com este filme, mas a atriz vinha de uma longa (embora irregular) carreira na TV, num total de 14 dramas, de Marry Me (MBC, 2004), a Naeil´s Cantabile (KBS2, 2014). Mas foi no cinema que a atriz aprimorou-se na profissão, com filmes importantes como Sunny, Romantic Heaven (2011), ou Masquerade (2012), com Lee Byeong- heon. 


Estou muito curiosa com o ainda inédito Marital Harmony, uma comédia romântica épica, co-estrelada pelo querido Lee Seung-gi. Apesar da expectativa frustrada com o drama Naeil´s Cantabile, fica a vontade de vê-la de volta à telinha, embora os projetos cinematográficos continuem sendo a prioridade da atriz. Não dá para criticar as escolhas de Shim Eun-kyeong, que está ocupada com as filmagens de Special Citizen, ao lado do grande Choi Min-sik.

3. Shin Se-kyeong (1990)


Muitas qualidades fazem desta uma de minhas atrizes favoritas, mas a principal é sua escolha inteligente e variada de papéis. A carreira de Shin Se-kyeong teve início, simultaneamente, na TV com o drama épico The Land (SBS, 2004), e no cinema, com My Little Bride (2004), contracenando com uma também muito jovem Moon Geun-young.


Depois disso, sua carreira no cinema continuou, mas sem tanto impacto quanto o trabalho na TV. Tree With Deep Roots (SBS, 2011) foi seu primeiro grande desafio. Embora seja um drama épico espetacular, na época não me entusiasmei muito com o personagem interpretado por Shin Se-kyeong. Não que sua atuação deixasse a desejar, mas achei que ela era ainda muito novinha para contracenar com atores de peso como Jang Hyeok e Han Seok-kyeo. 


O lado bom desta aventura foi que a atriz deixou uma ótima impressão no diretor e na roteirista, que a convidaram para seu próximo sageuk, o ainda melhor Six Flying Dragons (SBS, 2015). O rosto de boneca e a voz aveludada e madura formam um belo contraste, fazendo de Shin Se-kyeong uma atriz muito atraente e ao mesmo tempo peculiar.


Shin Se-kyeong costuma ter uma boa interação com seus atores protagonistas, como visto, por exemplo, no drama The Girl Who Sees Smells (SBS, 2015), em que forma um adorável par romântico com Park Yoo-chun, além de interagir muito bem com o sexy Namgung Min. Espero que ela volte em breve com uma comédia romântica bem divertida, depois de tanto sofrimento de seus personagens nos épicos!

4. Park Mi-young (1986)

Park Mi-young é formada em Teatro e Cinema, pela Universidade de Dongguk.


Park Mi-young tem uma trajetória parecida com a da colega Shin Se-kyeong, exceto por ainda não ter investido (falta de tempo?) no cinema, com exceção do filme de terror The Cat (2011). Em compensação, na TV Mi-young adquiriu grande projeção nos últimos anos, contracenando com astros do porte de Yoo Seung-ho (Remember: War of the Son), Ji Chang-wook (Healer) e Lee Min-ho (City Hunter), com o qual teve um affair muito comentado (e reprovado por muitas fãs do galã). Teve a grata oportunidade de contracenar com o ator Kim Myeong-min, em A New Leaf, embora, infelizmente, o drama tenha deixado muito a desejar.


O primeiro papel importante de Park Mi-young foi no drama épico Sungkyunkwan Scandal, onde foi cortejada por três dos mais populares atores da atualidade, Yoo In-ah, Song Joong-ki e Park Yoo-chun. Fico imaginando se algum dia ela voltará a encontrar ao menos um dos três rapazes na TV (de preferência que seja num drama romântico).


Seu mais novo projeto internacional é o drama (wuxia) Braveness of the Ming, com Zhang Han, o que dá uma ideia da projeção e sucesso que a atriz vem atingindo.

5. Lee Yeon-hee (1988)

Lee Yeon-hee, ao contrário de muitas celebridades da atualidade (especialmente as cantoras pop), não ganhou protagonismo com tanta facilidade, e sua capacidade como atriz foi muito criticada, até o merecido reconhecimento vir com o drama Miss Korea.


Ela estreou profissionalmente como modelo (e talvez venha daí o preconceito contra a atriz), embora tenha se graduado em Artes Dramáticas pela Universidade de Chung Ang. Mas o fato é que Lee Yeon-hee tem intercalado com frequência projetos no cinema (Marriage Blue, Detective K: Secret of the Lost Island), e na TV (Hwajung, Ghost). Realmente, a primeira vez que vi a atriz, no drama Ghost, não fiquei nada impressionada, mas a série era tão boa que sua atuação insegura não chegou a atrapalhar a estória. Recentemente vi o drama Resurection (KBS, 2005), onde ficava muito mais clara sua inexperiência como atriz, embora sua beleza já chamasse muito a atenção. Finalmente Lee Yeon-hee encontrou o projeto de sua vida, Miss Korea (MBC, 2013), um drama que soube explorar com sucesso todo o potencial oculto da atriz. Ao lado do ator Lee Seon-Kyeon, ela brilhou e ainda provou ter um excelente timing para a comédia. 


A seguir veio o drama épico Hwajung (MBC, 2015), onde ela teve a oportunidade de contracenar com Cha Seung Won, e viver um belo romance com Seo Kang-Joon. Lee Yeon-hee ainda tem um caminho a percorrer pra revelar seu talento, mas aposto que a experiência só trará bons frutos à sua carreira.

6. Kang So-ra (1990)


Formada em Artes Cênicas pela Universidade de Dongguk, Kang So-ra debutou como atriz no thriller 4th Period Mystery (2009), mas obteve reconhecimento com o filme Sunny (2011). A partir daí a atriz concentrou seus esforços na TV, e com o drama musical Dream High 2 (KBS, 2012) revelou seu talento como cantora. Acima de suas qualidades como atriz está a simpatia e naturalidade, que agradam um número cada vez maior de fãs dos dramas coreanos. Tal é seu carisma, que no drama Doctor Stranger (SBS, 2014) Kang So-ra foi defendida com fervor por muitos admiradores, que gostariam de vê-la conquistando o coração do protagonista da trama (Lee Jeong-seok).


Se Kang So-ra perdeu para a rival neste drama que merece ser esquecido, ganhou na loteria ao protagonizar Misaeng (tvN, 2014), um drama perfeito, inesquecível, onde ela pôde contracenar com gente bacana como Lee Sung-min, Siwan, Kang Ha-neul e Byeon Yo-han. Infelizmente, parece que a atriz está fadada a alternar projetos brilhantes (como Misaeng), com dramas medíocres (Doctor Stranger), e seu drama seguinte foi a fraquíssima comédia romântica Warm and Cozy


Mas – ufa! – para compensar, logo em seguida veio outra pérola, Neighborhood Lawyer Jo Deul-ho (KBS, 2016), onde ela contracena com o fantástico Park Shin-yang (Sign). A seguir, seria maravilhoso ver nossa querida Kang So-ra protagonizar um drama romântico à altura de seu talento (seria uma boa ideia voltar ao lar da tvN, garantia de projetos inteligentes).

7. Jeong Yoo-mi (1984)


Uma atriz que parecia destinada a papéis secundários, ou de vilã em melodramas, mas que teve paciência e pouco a pouco conquistou o protagonismo merecido. Formada em Artes Cênicas pela Universidade de Hanyang, Jeong Yoo-mi tem uma carreira sólida tanto no cinema quanto na TV. 


Seu último e maior sucesso foi com o drama épico Six Flying Dragons, no qual ela participou ativamente durante os longos, mas emocionantes, 50 episódios. Foi o drama que mais soube privilegiar a beleza etérea e a capacidade dramática de Jeong Yoo-mi.


A primeira vez que Jeong Yoo-mi chamou minha atenção foi no melodrama  A Thousand Days´ Promise (SBS, 2011), onde ela interpreta uma jovem emocionalmente frágil, que se apaixona por um Kim Rae-won (Punch) mais sexy do que nunca (o ator acabara de sair do exército). A seguir ela encarou uma vilã detestável, no romance Rooftop Prince. Seu último projeto é o drama Master - God of Noodles (KBS, 2016), co-protagonizado por Cheon Jeong-myeong e Jo Jae-hyeon.

8. Kim Seul-gi (1991)


Uma das maiores revelações dos últimos tempos, esta atriz, comediante e cantora tem uma carreira curta, mas meteórica e, felizmente, baseada unicamente no talento.

Depois de desenvolver suas habilidades como comediante no programa Saturday Night Live Korea, Kim Seul-gi passou para os dramas, em papéis pequenos, como o da hilária editora estressada em Flower Boy Next Door (tvN, 2013). Em Surplus Princess (tvN, 2014) ela volta a roubar a cena, e ganha cada vez mais destaque, até chegar ao primeiro papel protagonista, no mini-drama Splash Splash Love (MBC, 2015), formando um par romântico inesquecível com Yoon Doo-joon (Let´s Eat). Ela também formou uma dupla adorável com Yoon Hyeon-min, no drama Discovery of Romance (2014).


Mas foi em Oh My Ghostess (tvN, 2015) que Kim Seul-gi provou que pode ser a estrela de um drama. Alternando cenas cômicas e dramáticas com sensibilidade e delicadeza, a jovem atriz impressionou e recebeu a aprovação unânime do público. Só faltou a chance de beijar Jo Jeong-seok (de quem a atriz é fã declarada)... Mas oportunidades futuras não faltarão, não é mesmo, Kim Seul-gi?

9. Kim So-hyeon (1999)

A mais jovem do grupo, mas com um currículo de dar inveja a qualquer atriz veterana, Kim So-hyeon debutou na TV na mais tenra idade, com apenas 3 anos de idade, no drama Children of Heaven (KBS, 2002). A partir de 2007 sua carreira teve início para valer, e até hoje, já são 36 participações, entre cinema, TV e até como cantora (em trilhas musicais de dramas em que atuou: The Strange Housekeeper, Reset).


Apesar de todo o talento nato, a atriz não teve o privilégio de tornar-se uma celebridade da noite para o dia. Kim So-hyeon tem trabalhado duro para chegar aos merecidos papeis protagonistas nos dramas televisivos. Foram dezenas de participações especiais, principalmente fazendo o papel de atrizes protagonistas na infância. Ela foi a pequena Kim Min-seo, no épico The Moon That Embraces the Sun, uma sofrida adolescente Yoon Eun-hye, em Missing You, e uma rebelde Lee Bo-young, em I Hear Your Voice. Foi a partir de 2013, com o drama The Strange Housekeeper que Kim So-hyeon começou a ganhar papeis de maior destaque, chegando ao protagonismo absoluto com o drama escolar Who Are You: School 2015. Com este drama ficou claro que a jovem estava preparada para alçar vôos mais altos.


Este ano de 2016 tem sido o grande ano de Kim So-hyeon, que chegou à TV com dois dramas - Page Turner (drama special), e Nightmare Teacher – e dois filmes – Pure Love, e Princess Deokhye.

Kim So-hyeon com suas feições delicadas, mas olhar penetrante, me faz lembra demais da atriz Son Ye Jin, e estou certa de que ela tem o mesmo potencial para atingir o estrelato.

10. Kim Ji-won (1992)


Com apenas 23 anos, Kim Ji-won consegue convencer o espectador no papel de uma médica militar no drama Descendants of the Sun (2016), o maior sucesso em sua carreira até o momento. Mas ela também se passa perfeitamente por uma adolescente rebelde em Gap Dong, ou uma menina rica e mimada em The Heirs. Esta atriz tão magrinha tem a fama de roubar a cena, mesmo em projetos mais antigos, como no drama adolescente To The Beautiful You (2012). Veremos a atriz ainda este ano no drama épico Moonlight Drawn By Clouds (KBS, 20 ep.), com Park Bo-gum.


Kim Ji-won fez apenas três filmes (Romantic Heaven, Horror Stories 1 e 2), mas imagino que com o alvoroço causado pelo drama da escritora Kim Eun-sook, a atriz receba convites para projetos cinematográficos interessantes. Talento é o que não falta para a ‘brava’ Kim Ji-won.

4 comentários:

  1. Fran Oliveira8:19 PM

    Bem, a lesada aqui, publicou o comentário no post errado, eu acho. Enfim.

    Oi Sam, tudo bem?

    Eu gosto muito da grande maiorias dessas(futuras?)grandes atrizes.

    Fiquei encantada pela Park Bo-young em Oh My Ghostess, apesar de ter torcido para a fantasminha, mas PBY, estava incrível nas duas personagens. Sem comentários, sobre o assunto do beijo :O

    Naeil´s Cantabile foi uma das maiores decepções para mim, desde que assisto dramas, talvez por que a versão japonesa é um dos meus dramas preferidos, e eu tinha altas expectativas com a versão coreanas, mas falando da Shim
    Eun-kyeong, não a muito se dito, já que não assistir nenhum filme citados, a não ser que ela é linda e fofa.

    Shin Se-kyeong, eu tenho um caso de amor e ódio com essa atriz o único papel onde ela, sua personagem, não me irritou foi Six Flying Dragons, apesar de não te visto nenhum desses dramas que você citou. Vou dar uma olhadinha para ver se a balança começa a pender mais para o amor.

    Park Mi-young, não tenho uma opinião formada sobre ela, não tenho certeza se gosto dela ou não, mas ela não me incomoda como algumas atrizes que só por ter elas no elenco eu já torço o nariz.

    Eu adoro a Lee Yeon-hee, desde East of Eden, onde ela tinha uma química explosiva com Song Seung Heon. Em Miss Koreia ela estava linda, como sempre. Muito amor por ela.

    Kang So-ra, é atualmente a atriz coreana que eu considero mais linda, eu fico hipnotizada pela beleza dela. Eu vi, Doctor Stranger, e agora Neighborhood Lawyer Jo Deul-ho, que está me divertindo muito, não é um Signal, mas tem personagens tão cativantes e apaixonantes quanto, espero poder ver muitos projetos dela no futuro, bons projetos.

    Jeong Yoo-mi, não tenho uma opinião sobre ela, depois de ver Master - God of Noodles, que está na minha lista de futuros dramas a ver, eu forme uma opinião sobre ela.

    Kim Seul-gi, AAAHHHH, adoro, adoro, adoro, queria ser amiga dela!!! Eu já queria ser best friend dela em Flower boys next door. Em Oh My Ghostess, eu torci para que ela não estivesse morta, em coma talvez, e ficasse com o mocinho, mas não fiquei triste com o final, já que Park Bo-young deu um show. Era uma coisa que muito me entristecia, pensar que ela nunca teria uma “mocinha”, por padrões de beleza, mas eu ainda tenho fé que talento ainda será mais importante que beleza, e a linda da Kim Seul-gi tem os dois!!! E tenho dito!!

    Kim So-hyeon, essa menina partiu meu coração em I miss you, e venho acompanhando cada novo drama dela como muito interesse, e ela vem ficando cada vez mais linda e talentosa.

    Kim Ji-won, eu não vi nenhum drama com essa atriz, então...

    Eu incluiria nessa lista, Kim Go-Eun (chesse in the trap), Baek Jin-Hee (Pride and Prejudice) e por que não Hyuri ( Reply 1988).

    Beijos Sam, até o próximo post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fran,
      obrigada mais uma vez por nos deixar sua opinião, e de bônus, algumas boas dicas de dramas!

      Bem, espero que o post tenha ao menos despertado curiosidade em você (e nos outros leitores) sobre algumas das atrizes citadas.

      E tens razão sobre os nomes sugeridos, tranquilamente poderiam ter sido incluidos, e até estavam na lista, mas resolvi fazer um top 10 (muito pessoal) para a lista não ficar infinita... Kim Go-eun é uma bela atriz, mas está apenas debutando na TV, vamos ver o que mais terá a nos oferecer... Hyuri é um encanto, amei ela em Reply 1988, mas acho que tem muito ainda a aprender no ofício de atriz.

      bjs, até mais,
      Sam.

      Excluir
  2. Dessa lista eu torço MUITO, mas MUITO mesmo pela Kim Seul-gi. Acho ela tão talentosa e desde a primeira vez que a vi em drama já virei fã.

    Agora fiquei curiosa pra ver a versão masculina dessa sua lista hahaha.

    Você está acompanhando Another Miss Oh e Master God of Noodles? Estou inlove por Miss Oh e completamente envolvida nessa aura densa que é Master God.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luppi,

      eu também gosto muito da Seul-gi... mas acho que não vai ser fácil para ela conseguir bons papeis como protagonista. Infelizmente, há uma prioridade dos grandes canais de TV em promover as estrelas pop do país. Ao menos existem redes como a tvN, com a mente mais aberta para os talentos reais!

      Sim, Another Miss Oh é um drama fantástico (dá uma espiada nas conversas sobre o assunto, abaixo do post do drama Answer Me 1988). Não me aventurei ainda no God of Noodles, gosto muito do tema, mas me pareceu meio pesado, e estou dando um tempo do gênero. Mas obrigada pela dica, vou conferir mais adiante!

      Sobre a versão masculina da lista, ainda vai sair, mas certamente terá de ser bem mais longa! Só o elenco de Mirror of the Witch rende uns 3 ou 4 nomes de peso para minha lista!

      até mais,
      Sam.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...