1 de jul de 2014

Lacuna (filme, 2012)


País: China
Gênero: comédia romântica
Duração: 94 min.
Produção: Pang Ho-cheung, Subi Liang, Liu Zhijiang

Direção: Derek Tsang, Jimmy Wan
Roteiro: Gu Yu, Zhang Youyou

Elenco: Shawn Yue, Zhang Jingchu

Resumo

Um casal de desconhecidos acorda em uma cama, sem lembrança dos acontecimentos da noite anterior. Eles tentam refazer sua louca jornada pela noite de Beijing, onde muitas surpresas os esperam...


Comentário

Lacuna é uma comédia romântica contemporânea, que conta a estória de dois estranhos que tentam descobrir como foram parar na mesma cama, após uma noite de bebedeira. Muitas vezes uma amnésia etílica pode ser uma benção, mas não no caso de Shen Wei e Tong Xin... Muito mais do que o constrangimento de passar a noite com um estranho, sem fazer a mínima ideia do que rolou, este casal tem de se preocupar com as consequências de seus atos. Enquanto Shen Wei (Shawn Yue) não lembra onde estacionou o próprio carro, Tong Xin (Zhang Jingchu) simplesmente não sabe onde foi parar uma bolsa cheia de dinheiro, que ela deveria entregar a alguém, por ordem do seu chefe.



Logo Shen Wei e Tong Xin percebem que o único modo de resolver seus problemas é unir forças para desvendar o que de fato aconteceu naquela noite. Como num quebra-cabeças eles vão juntando as peças, através de depoimentos dos amigos, mensagens nas redes sociais, e até de um boletim de ocorrência na polícia. É refazendo seus passos nesta segunda noite, que eles têm a oportunidade de se conhecer de verdade, e mal conseguem disfarçar o quão encantados ficam um com o outro.



Shawn Yue (Dragon Tiger Gate, Shamo, Rule No. 1) e Zhang Jingchu, ótimos atores, formam um casal adorável, o que contribui muito para que nos interessemos pelo destino destes personagens. E o roteiro intercala de forma inteligente o tempo presente e os flashbacks, dando à estória um ritmo ágil e divertido. Lacuna me fez lembrar bons filmes independentes americanos dos anos 90, como Go (1999).
 

 
Apesar de despretensioso, Lacuna é um filme bem acabado, com a colaboração inestimável do diretor de fotografia Charlie Lam, e do editor Wenders Li. Mas são os pequenos detalhes que, em conjunto, me fizeram apreciar muito este filme... A música, o clima outonal de Beijing, os cenários pouco óbvios da cidade (becos, ruas tranquilas, prédios em construção, uma floresta) e, especialmente, Shawn Yue e Zhang Jingchu – ela tão charmosa, ele tão meigo... É impossível esquecer a cena em que eles sobem ao palco durante um show de rock, dão um ‘mosh’ e flutuam lado a lado, carregados pelo público... Um momento mágico, que só o cinema pode nos proporcionar.
 

 

2 comentários:

  1. Oiii, amei o blog e suas resenhas, em especial a desse filme que me interessou muito! *-* Onde vc assistiu ele? Depois que li sua resenha fui pesquisar igual uma doida e não achei T.T kkkkkkk Obrigada! bjooos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Belle,
      muito obrigada pelos elogios!
      Realmente não é muito fácil encontrar o filme Lacuna na web, mesmo sendo um filme muito elogiado pela crítica... Para ver online, só encontrei versões de péssima qualidade, por isso tive de baixá-lo. No site asia-team.net você encontra o filme para download (com legendas em espanhol).
      Obrigada pela visita,
      bjs,
      Sam.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...