3 de jul de 2013

Marks no Yama (drama, 2010)


País: Japão
Gênero: Thriller, Policial
Duração: 5 episódios
Produção: WOWOW TV


Direção: Mizutani Toshiyuki, Suzuki Kosuke
Roteiro: Maekawa Youichi, baseado no romance de Takamura Kaoru

Elenco: Takaya Kamikawa, Ken Ishiguro, Kengo Kora, Manami Konishi, Fumiyo Kohinata, Naho Toda, Ren Osugi, Anju Suzuki, Shiro Sano, Renji Ishibashi, Masahiro Komoto, Yoshihiko Hakamada, Shingo Katsurayama, Yukijiro Hotaru, Kyusaku Shimada, Narushi Ikeda, Yuko Ito, Shigemitsu Ogi, Kazuyuki Aijima, Sachiko Kokubu, Hajime Yamazaki, Kenichi Yajima, Takeshi Masu.

Resumo


No alto de uma montanha nevada, em uma noite escura e gélida, uma criança vaga perdida... Vinte anos depois, ao pé da mesma montanha, o esqueleto de um homem é encontrado. Enquanto isso, em Tóquio, a polícia lida com outro mistério: uma série de mortes estranhas e sem ligação evidente. Desvendar a conexão entre os eventos da montanha distante e os crimes atuais na cidade será a tarefa do inspetor de polícia Yuichiro Goda e do promotor Yusuke Kano.


Comentário

Marks no Yama (Marks Mountain) é um drama policial baseado no romance Makusu no Yama (1995) do escritor Takamura Kaoru.

A estória começa com os amigos do tempo de universidade, e hoje homens da lei, o policial Yuichiro Goda (Takaya Kamikawa) e o promotor Yusuke Kano (Ken Ishiguro), chegando ao topo de uma montanha nos Alpes japoneses. Na descida eles se deparam com uma movimentação intensa de policiais, perícia criminal e guardas florestais. Naquela mesma tarde, um esqueleto de identidade desconhecida foi descoberto. De volta à capital, Yuichiro Goda se depara com dois assassinatos aparentemente não relacionados, primeiro o do bandido Hiroshi Hatakeyama (Narushi Ikeda) e, em seguida, do assessor do Ministro da Justiça, Koji Matsui (Kenichi Yajima). O único fato que liga os dois crimes é o modo como os homens foram mortos, com um golpe penetrante na cabeça. Será que há um assassino em série à solta? Tudo se complica quando o inspetor Goda e seus colegas são impedidos de investigar os crimes, devido a interesses políticos superiores.


Uma peça a mais no quebra-cabeças intrincado surge com a aparição de Hiroyuki Mizusawa (Kengo Kora). Recentemente liberado da prisão em um hospital psiquiátrico, Hiroyuki é um jovem perturbado por lembranças trágicas da infância. Ele é acolhido pela enfermeira Machiko Takagi (Naho Toda). Hiroyuki parece sofrer de lapsos de memória e anota em um diário suas atividades e pensamentos. Mas qual será o significado da palavra MARKS escrita no caderno de Hiroyuki, e qual a sua ligação com os crimes investigados pela polícia de Tóquio? É o que o inspetor Goda terá de descobrir...


À primeira vista Marks no Yama tem uma trama um tanto complicada, mas o que pode confundir um pouco o espectador não é tanto a estória, mas o número de personagens que surgem ao longo dos episódios. Entre policiais, promotoria, políticos, repórteres e suspeitos em geral, a trama dá muitas voltas, o que pode incomodar quem não é fã do gênero. Mas para os que gostam de dramas policiais sóbrios e realistas (como por exemplo, Strawberry Night), Marks no Yama é uma ótima indicação.


Sem grandes heróis, ou detetives ‘sherloquianos’, Marks no Yama constrói sua estória com personagens simples, com os quais podemos nos identificar imediatamente, como é o caso do inspetor de polícia Yuichiro Goda. Goda é um ótimo policial, e sua dedicação ao trabalho acaba tornando-o um lobo solitário. Os tênis brancos que o inspetor Goda usa todos os dias são uma expressão de seu bom caráter, e de sua eterna busca pela verdade. O ator Takaya Kamikawa (Hana Kimi) compõe um personagem dos mais simpáticos e é um dos melhores motivos para se acompanhar este drama.


E felizmente podemos voltar a desfrutar da companhia do inspetor Goda no drama Lady Joker (2013, 7 episódios), uma nova adaptação televisiva para outro romance do escritor Takamura Kaoru. Destaque também para os atores Ken Ishiguro (Goen Hunter), como o promotor Yusuke Kano, e o sempre simpático Osugi Ren (Hungry!), como o policial Sano Kunio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...