20 de mar de 2009

Thirst, de Park Chan-wook

Acaba de ser divulgado o teaser trailer do novo filme do diretor sul coreano Park Chan-wook.

Thirst chega bem em tempo de entrar na onda dos filmes de vampiros no Ocidente (Crepúsculo, Blood: the last vampire).

Song Kang-ho, que já trabalhou com Park em Mr. Vingança, faz o papel de um padre que é transformado num vampiro, e se apaixona por Kim Ok-bin.

É esperar para ver o quanto amadureceu o trabalho de Park, mas ele já esclareceu em entrevistas, que depois da experiência não tão bem sucedida com o romance fofo de I´m a Cyborg, But That´s OK, Thirst é a volta da temática da violência e relações disfuncionais, tão presentes na Trilogia da Vingança.

O primeiro pôster do filme mal chegou, e já foi banido, mas foi o suficiente para despertar a curiosidade dos fãs do diretor coreano.


O filme estréia em Seul no dia 30 de abril.

Em entrevista à CNN, Park mostra o storyboard de Thirst:

13 de mar de 2009

Seven Samurai (filme, 1954)


Seven Samurai/ Os Sete Samurais/ Shichinin No Samurai  

País: Japão
Gênero: Épico, Samurai, Drama, Ação

Duração: 207 min

Direção: Akira Kurosawa
Roteiro: Akira Kurosawa, Hideo Oguni, Shinobu Hashimoto
 
Elenco: Takashi Shimura, Toshiro Mifune, Yoshio Inaba, Seiji Myiagushi, Minoru Chiaki.

Sinopse

Habitantes de uma aldeia paupérrima sofrem ameaças e saques constantes de bandidos cruéis. Desesperados, resolvem contratar um grupo de samurais para defender seu único bem e sustento, a lavoura de arroz.

Clássico do mestre Kurosawa, agora lançado em dvd, restaurado, com entrevistas e bastidores. Para comprar, ver e rever, e não cansar de admirar o talento do diretor japonês que influenciou as gerações seguintes tanto do cinema oriental como do ocidental (Spielberg e Lucas que o digam).

Prêmios: Leão de Prata no Festival de Cinema de Veneza (1954)

Dog Bite Dog (filme, 2006)



Dog Bite Dog/ Cão x Cão 

País: Hong Kong
Gênero: Ação, Luta
Duração: 109 min.
Direção: Soi Cheang Pou-soi
Roteiro:  Szeto Kam-Yuen, Matt Chow, Melvin Li
Elenco: Edison Chen, Sam Lee, Eddie Cheung, Lam Ka-wah, Pei Pei

Sinopse

Jovem assassino, treinado para se transformar numa máquina de matar no Camboja, é enviado a Hong Kong, em uma missão suicida.

Comentário

Para quem está acostumado com os filmes de ação cantoneses, às vezes violentos mas sempre melodramáticos, Dog Bite Dog é um soco no estômago. Sua brutalidade constante e sem concessões, bem como seus personagens imorais, podem desagradar às mentes mais sensíveis. Mas o filme é tão bom, que até mesmo o ultra canastrão Edison Chen impressiona no papel principal, do assassino sem nome.

Soi Cheang Pou-soi dirigiu Shamo (2007).

Assembly (filme, 2007)



Assembly / Assembleia 
País: China
Gênero: Guerra, Drama
Duração: 125 min.

Direção: Feng Xiaogang
Roteiro: Heng Liu
 
Elenco: Zhang Hanyu, Yuan Wenkang, Tang Yan, Hu Jun

Resumo

Estória verdadeira e emocionante acompanha a vida de soldado chinês que sobreviveu a várias guerras, da guerra civil chinesa, à Guerra da Coréia.

Comentário

As seqüências de batalha impressionam, a produção é impecável, e o enredo envolve o expectador ao focar os dramas pessoais dos soldados, esquecidos ou apagados no contexto das grandes guerras.

O filme pode pecar por ser um tanto despolitizado, provavelmente para evitar a censura do governo chinês. No entanto, a decisão de enfatizar o sacrifício dos soldados e do povo, não por uma causa, mas por seu país, pode ser apreciado e identificado por qualquer audiência estrangeira.

Feng Xiaogang dirigiu O Banquete (2006).

8 de mar de 2009

Protégé/ Golpe Sujo (filme, 2007)



Golpe Sujo/ Protégé 
País: Hong Kong
Gênero: Policial, Drama
Duração: 111 min.

Direção: Derek Yee
Elenco: Andy Lau, Daniel Wu, Zhang Jingchu, Louis Koo, Anita Yuen
Distribuidora: Focus Filmes

Resumo

O filme gira em torno de um traficante de drogas (Lau), que reluta em delegar tarefas, enquanto luta contra problemas graves de saúde. Uma visão profunda e perturbadora sobre o submundo das drogas. Daniel Wu é o policial infiltrado que investiga a “cadeia alimentar” do tráfico de heroína, e se vê dividido entre o envolvimento pessoal com seu chefe mafioso (Lau), e uma vizinha viciada e sua filha. Um dos momentos mais interessantes do filme é a visita ao sítio de produção da heroína, no Laos, com uma visão bem didática do intricado mundo do tráfico.

Protégé concorreu em 15 categorias no 27th Hong Kong Film Awards, ganhando os prêmios de Montagem e Melhor Ator Coadjuvante, para Andy Lau.

Derek Yee dirigiu One Nite in Mongkok (Uma Noite em Mongkok - em DVD).

Shamo/ Fúria Vermelha (filme, 2007)




Shamo / Fúria Vermelha 
País: Hong Kong
Duração: 115 min
Gênero: Ação
 
Direção: Soi Cheang Pou-soi
Roteiro: Izo Hashimoto, Szeto Kam-Yuen, Annie Liu, Pei Pei
Elenco: Shawn Yen, Francis Ng
Distribuidora: Imagem Filmes
Filme de estética mangá, com destaque para a fotografia e o figurino estilizados.

Resumo
Garoto vai para o reformatório, acusado de matar brutalmente os pais. Após sofrer abusos constantes na cadeia, já em liberdade é recrutado por uma academia de artes marciais, para participar de confrontos no estilo “vale-tudo”. Ele é movido por duas obsessões: ganhar muito dinheiro com a luta, e achar sua irmã desaparecida.
Por que assistir: diversão garantida para os fãs dos mangás e artes marciais. Baseado no mangá de Izo Hashimoto.

- Soi Cheang Pou-soi dirigiu o super impactante Dog Bite Dog;

- Shawn Yen pode ser visto em The Diary (Diário Mortal) dos Pang Brothers, Dragon Tiger Gate;

- O veterano ator Francis Ng (1961) está no filme Exiled (Exilados, 2006), de Johnnie To, e na comédia The White Dragon (Dragão Branco, 2004).

One Nite In Mongkok (filme, 2004)



Uma Noite em Mongkok/ One Nite In Mongkok
País: Hong Kong
Gênero: Ação, Romance
Duração: 110 min.

Direção e roteiro: Derek Yee
Elenco: Daniel Wu, Cecília Cheung, Alex Fong
Distribuidora: Europa Filmes
Resumo

Rapaz pobre do interior da China (Wu) chega a Hong Kong com duas missões, matar um homem por encomenda, e encontrar uma antiga namorada.

O diretor cantonês Derek Yee tem se mostrado um talento notável, destacando-se seu último trabalho em Protégé, onde repete sua parceria com Daniel Wu.

O ator Daniel Wu, nascido em São Francisco, EUA, fez o caminho inverso, de volta à China, em busca da fama. Começou sua carreira como mais um astro do cinema pop cantonês, em produções direcionadas ao público adolescente. Mas aos poucos foi firmando-se como um dos mais sérios e dedicados atores de Hong Kong; sua maturidade é visível em filmes como Protégé (2007), e nesse trabalho anterior, One Nite in Mongkok. É formado em Arquitetura, pela Universidade do Oregon.

Cinegrafia (*dvd Brasil)
- Bishonen (1998)
- City of Glass
- Young and Dangerous: the prequel
- Gen X Cops *
- Purple Storm
- 2000 A.D. *
- Peony Pavillion
- Beijing Rocks
- Love Undercover
- Princess D
- Naked Weapon
- New Cop Story *
- House of Fury *
- Mongkok Nite *
- Protégé * (2007)

7 de mar de 2009

Bullets of Love (filme, 2001)




Vingança Implacável / Bullets of Love
País: Hong Kong
Duração: 107 min
Gênero: Ação. Romance

Direção: Andrew Lau Wai-keung
Elenco: Leon Lai, Asaka Seto, Terence Yin, Richard Sun
Distribuidora: Flashstar

Resumo

Policial (Lai) abandona a carreira após ter a noiva promotora morta por assassino profissional, a mando de mafioso. Tempos depois, morando numa calma aldeia de pescadores, cruza com uma mulher que é uma sósia de sua namorada. Com as lembranças do amor perdido, vem o desejo de vingança do passado.


Esse filme tem todos os cacoetes dos filmes de ação made in HK dos anos oitenta: cenas de violência brutal, seguidas de melodrama romântico, com pitadas de comédia à lá Trapalhões. Para quem não conhece o gênero, pode ser meio chocante, mas para quem já viu alguns clássicos estrelados por Chow Yun Fat, ou Jackie Chan, é diversão garantida.

O talentoso diretor Andrew Lau nasceu em Hong Kong, em 1960. Começou sua carreira no cinema como diretor de fotografia, em filmes como As Tears Goes By, e Chungking Express, ambos de Wong Kar-wai. Co-dirigiu sucessos como Initial D e Infernal Affairs (ambos junto ao diretor Alan Mak). Dirigiu e produziu o filme coreano Daisy (2006).

The Forbidden Kingdom (filme, 2008)



O Reino Proibido/ The Forbidden Kingdom 
País: EUA/China
Duração: 113 min

Direção: Rob Minkoff (Stuart Litlle)
Elenco: Jet Li, Jackie Chan
Distribuidora: Imagem Filmes

Os próprios protagonistas do filme, Chan e Li, avisaram que essa seria uma produção voltada exclusivamente para o público infantil norte-americano. E eles tinham razão, quem é fã do cinema de ação de HK não deve se impressionar, mesmo depois de anos aguardando uma colaboração entre os dois maiores astros das artes marciais chinesas. O lado bom é que Chan e Li adoraram a parceria e prometeram uma nova colaboração para o futuro.

O Reino Proibido é daqueles filmes que vai passar muito nas matinés da TV aberta (pelo menos é melhor do que filme de cachorro falante).
Por que comprar: para assistir o primeiro duelo cinematográfico entre Chan e Li.

6 de mar de 2009

Andy Lau - Herói do Cinema Épico Chinês

A Nova Safra do Cinema Chinês Épico, ou “Três Vezes Andy Lau”

 A Battle of Wits/ Confronto de Guerreiros (China, 2006, 132 min.)
Direção e Roteiro: Jacob Cheung
Elenco: Andy Lau, Ah Sung-ki, Choi Shi-won, Fan Bingbing
Distribuidora: Swen Filmes
DVD: sem extras, áudio original (mandarim) e português; tela widescreen anamórfico



 Warlords/ Os Senhores da Guerra (China, 2007)
Direção: Peter Chan
Com: Andy Lau, Jet Li, Takeshi Kaneshiro
Distribuidora: Imagem Filmes


Three Kingdoms: Resurrection Of The Dragon/ Três Guerreiros: A Ressurreição do Dragão
(China, Coréia do Sul, HK, 2007, 102 min.)
Direção: Daniel Lee
Elenco: Andy Lau, Sammo Hung, Maggie Q
Distribuidora: Imagem Filmes

Depois da onda de filmes de temática que unia fantasia e artes marciais (Herói, Sete Espadas, etc.), chega agora em dvd o “ciclo” dos filmes épicos chineses. E a moda parece que pegou, pois os títulos são variados, e todos os diretores de ação quiseram filmar suas versões sobre o tema “pré-unificação” chinesa.

Para começar, já foram lançados em dvd (varejo) Confronto de Guerreiros e Os Senhores da Guerra. Three Kingdoms Resurrection Of The Dragon está disponível apenas para locação, e Princess Warrior ainda não foi lançado. E o aguardado filme de John Woo, Red Cliff, presumo que deva chegar apenas em dvd, já que ver esse e os demais filmes nos cinemas por aqui é quase impossível.

Confronto de Guerreiros

No período em que os sete reinos buscavam o poder supremo sobre o território chinês, a pequena cidade fortificada de Liang é atacada pelo exército de Zhao. A única esperança do reino Liang é a ajuda do povo Mohista, conhecidos mestres nas estratégias de defesa. A ajuda chega na figura de um homem misterioso, Ge Li (Andy Lau), um mohista que parece mais um monge maltrapilho do que um experiente combatente. O trabalho de Ge Li é convencer um rei bêbado e insensível, e uma população ignorante e assustada, a seguir suas ousadas e arriscadas táticas de guerra.

Apesar de a princípio Battle of Wits parecer apenas mais um filme de ação, a estória se aprofunda em questionamentos importantes, como o totalitarismo, a solidariedade, a liberdade e a futilidade das guerras. Andy Lau personifica o pacifista, o representante das minorias, o mestre budista. E entre ele estão o rei tirano e o invasor bárbaro. É difícil saber quem são os bons e quem são os maus.

Influências: Os Sete Samurais, de Akira Kurosawa; baseado no mangá japonês "Bokko", escrito e ilustrado por Hideki Mori.

Por que assistir: interpretações impecáveis, com destaque para Wang Zhiwen, como o rei beberrão, e o sempre carismático ator coreano Ahn Sung Ki (falando chinês!), grandes cenas de ação, e um tom provocativo e ao mesmo tempo tocante.

Os Senhores da Guerra

Depois de assistir a Confronto de Guerreiros, esse filme dá uma certa sensação de dejá vu, talvez por abordar o mesmo assunto, embora sobre uma perspectiva diferente. Em The Warlords
, vemos a guerra do lado de fora dos muros da cidadela. As batalhas cruéis e sangrentas se arrastam por anos e anos, tirando o sentido geral da guerra para aqueles que a lutam.

Os destaques dessa produção estão na fotografia, figurino, e nas atuações de Jet Li (melhor ator, 27 Hong Kong Film Awards), Andy Lau e Takeshi Kaneshiro (The Returner).

Por que não comprar o dvd: sem áudio original em mandarim. Quando é que as distribuidoras nacionais vão aprender a respeitar o consumidor?

Three Kingdoms: Resurrection Of The Dragon

O mais divertido dos três filmes, talvez por lembrar mais a safra dos filmes de fantasia como Herói, ou o Clã das Adagas Voadoras.

Mais uma vez, temos Andy Lau como astro principal da produção (é espantosa a quantidade de filmes que esse ator consegue fazer, sem contar sua carreira de cantor e showman), atuando ao lado do sempre simpático Sammo Hung (que aqui divide a tarefa de ator com a de diretor de ação) e Maggie Q (Missão Impossível 3), como a vilã não muito convincente da estória.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...